Title
English Greek Japanese Korean Portuguese
Home Catarata
Catarata
foto_catarataPode provocar embaçamento, ofuscamento com a luz e dificuldade para enxergar. Não provoca dor ou coceira. O seu tratamento é cirúrgico com colocação de lentes intra-oculares de alta tecnologia proporcionando uma rápida recuperação com uma excelente qualidade visual. Atualmente disponibilizamos de lentes multifocais e tóricas para correção de astigmatismo.


Lentes Intraoculares Premium E-mail
Lentes Intraoculares são as lentes que são colocadas dentro do olho a se fazer uma cirurgia de catarata. Essas lentes sempre devem ser colocadas para se substituir o cristalino (que quando opacificadas dá se o nome de Catarata).

Nos últimos 10 anos a cirurgia de catarata além de ser curativa tem se tornado também refrativa, ou seja, além de se retirar a catarata consegue-se também corrigir os possíveis graus que o paciente venha a ter. Assim, com a inovação dessas novas lentes é possível eliminar o uso dos óculos na grande parte do dia. Isso resulta numa liberdade visual maior. Para isso é necessário a realização de diversos exames oftalmológicos a fim de avaliar cada caso.

Existem atualmente as lentes intraoculares multifocais (para liberdade de visão para longe e perto desde que não tenha astigmatismo), lentes tóricas (para correção de astigmatismo) e lentes multifocais tóricas (para quem tem astigmatismo e querem ter uma liberdade de visão para longe e perto).

Autor: Dr Alexandre Misawa

 

Quais são os risco da cirurgia de catarata? E-mail

risco_de_vida

A cirurgia de catarata atualmente é uma cirurgia muito segura com baixo indice de complicação. No entanto, como toda cirurgia  existe risco e a principal complicação é a infecção ocular que ocorre no pós operatório.

A infecção está associado com algumas alterações palpebrais no pré operatório e deve sermpre ser avaliado pelo oftalmologista. Outro risco é contaminação bacteriana no pós operatório, por isso a necessidade do uso de colírio contendo antibiótico e da boa higiene pessoal para sua prevenção. O risco maior dessa infecção se dá dentro da primeira semana. Por isso qualquer sinal  ou dúvida que ocorra dentro deste período entre em contato imediato com o oftalmologista.

Autor: Dr Alexandre Misawa

Quais os tipos de lentes intraoculares? E-mail

Há diversas Lentes intraoculares no mercado. De uma maneira mais fácil de entender podemos dividir em 3 tipos de lentes:

1) Lente Monofocal: É a lente mais utiizada no mercado tanto no mercado privado quanto no serviço público. Como o próprio nome diz, essa lente corrige apenas a miopia ou a hipermetropia por possuirem somente um foco.

2) Lente Multifocal: São as lentes Premium. São lentes de alta tecnologia e que corrigem a visão de longe e de perto na mesma lente dando uma maior INDEPENDENCIA visual aos pacientes. Para algumas situações de leitura ou dependendo da exigência do paciente será necessário ainda o uso de óculos, mas numa frequência bem menor. Por apresentar alta tecnologia na sua construção, são lentes com custo mais elevado.

3) Lente Tórica: São também consideradas lentes Premium. São as últimas lentes lançadas no mercado. Corrigem de maneira eficaz as pessoas que possuem astigmatismo maior que 1,0 grau. Por apresentar alta tecnologia na sua construção, são lentes com custo mais elevado.

Para avaliar qual o tipo de lente intraocular a ser utilizado, é necessário um exame oftalmológico completo e avaliar a indicação para cada caso. Lembrando que todas essas lentes são indicadas para o tratamento cirúrgico da catarata.

Autor: Dr Alexandre Misawa

O que é a Lente Intraocular? E-mail

lio

A lente intraocular ou LIO é uma lente que substitui o cristalino opacificado (Catarata). Possui o formato da imagem ao lado e é implantado no mesmo local onde estaria o cristalino. Há diversas lentes disponíveis no mercado e diferem quanto o seu formato, a sua tecnologia para evitar complicações posteriores e filtros contra raios solares.

 

Autor: Dr Alexandre Misawa

«InícioAnterior12PróximoFim»

Página 1 de 2